FASUBRA PROTOCOLA NO MEC DENÚNCIA DE PERSEGUIÇÃO A TAEs

A FASUBRA Sindical protocolou nesta terça-feira (01) ofício na Secretaria de Ensino Superior do MEC, onde listou as várias denúncias que dirigentes e ativistas do movimento sindical têm sofrido em vários estados. Na ocasião, a federação listou ações de assédio moral, perseguição política e até mesmo cerceamento do exercício de mandato classista.

A iniciativa partiu de recente reunião entre MEC e FASUBRA Sindical, na qual o ministro Aloizio Mercadante solicitou a listagem dos casos para que o Ministério possa agir pontualmente e solucionar os problemas elencados.

No ofício a Federação exige que “medidas conseqüentes sejam tomadas no sentido de se garantir a livre manifestação e a liberdade sindical nas universidades, direitos constitucionais hoje ameaçados por reitores, gestores e por parte do Governo”.

Fonte: Redação: Carla Jurumenha – ASCOM FASUBRA Sindical

Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.