O que está acontecendo com a UNIFESP?

Em meio a mais um ataque ao Movimento Estudantil com o fechamento do ” CAzão”e o desmonte da Universidade Pública, com a “transferência provisória” do Campus Pimentas, para um imóvel locado no Centro de Guarulhos ao custo de R$ 15 milhões de reais durante a vigência do contrato de 5 anos, nunca é tarde para retomar o debate.

É preciso deixar o Bairro dos Pimentas para a Universidade se consolidar no Pimentas? Não soa contraditória essa proposta? E qual o motivo da Congregação do Campus Diadema, que a exemplo da do Campus Guarulhos, aprovar na calada da noite o interesse de locação para transferir as atividades do Campus para um imóvel particular no Bairro do Ipiranga, em São Paulo?

Acompanhe abaixo o texto do Prof. Daniel Vázquez de 2012, antes de assumir a Diretoria Acadêmica do Campus, sobre a crise da EFLCH. Na próxima postagem publicaremos a solicitação oficial de inclusão da discussão pela retirada do Campus do Pimentas na Congregação de  02/08/2012, pauta considerada “relevante para a consolidação do Projeto Acadêmico da EFLCH” pelo grupo solicitante.

debate

Link para o texto completo:

http://danielvazquez.wordpress.com/2012/08/10/universidade-na-periferia-x-de-periferia/

Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.