Comunicado Assembleia Estudantil – Comissão de Controle

Comunicado da Assembleia Geral dos estudantes à reunião da Congregação da EFLCH do dia 02 de maio

As assembleias estudantis reunidas nos dias 17 e 25 de abril tiveram como pauta principal a mudança para o local provisório. Debateu-se nestes, e, em outros fóruns do movimento estudantil a falta de transparência como se encaminharam decisões relacionadas à mudança provisória do Campus Guarulhos, para só tardiamente, no dia 23 de abril, haver uma Audiência Pública para esclarecimento à comunidade universitária sobre os nossos possíveis rumos. Em meio às diversas contradições e controvérsias, levantamos questionamentos acerca do processo de discussões e deliberações que estavam sendo tomadas.

Diante desta situação, decidimos em Assembleia Geral dos Estudantes do dia 25 de abril, criar uma Comissão de Controle com a triparticipação de discentes, docentes e técnico-administrativos e de maioria estudantil com objetivo de garantir que todo o processo de mudança para o local provisório, construção do prédio definitivo da EFLCH e retorno para o Bairro dos Pimentas ocorra de forma democrática, diferentemente da maneira antidemocrática que acontece até o presente momento.

Por fim, solicitamos da Congregação da Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas que, reconheça e institucionalize a Comissão de Controle com a seguinte composição de membros: seis professores, seis funcionários, doze estudantes da graduação, um estudante por curso, mais um suplente e quatro estudantes da pós-graduação, um por curso. De certo, uma comissão de controle que acompanhe e garanta os encaminhamentos com base nas discussões e decisões do conjunto dos que estudam e trabalham na Universidade, com base nos interesses da maioria, poderá exigir que a mudança para o local provisório na atual conjuntura aconteça com as condições de estudos e de trabalho para o funcionamento adequado das atividades acadêmicas.

 

Esse post foi publicado em Acontece na Unifesp. Bookmark o link permanente.